[Resenha] Kamisama Onegai! - Mio Junta

Boa taaaarde manolos! A semana quase acabando e eu aqui correndo pra fazer uma resenha antes que ela termine. Meu notebook deu pau DE NOVO, acho que é macumba sempre que eu começo a me regularizar a postar. Que saco. Que ódio!

Mas deixado isso de lado (aliás, a quem se pergunta, estou usando outro notebook, obrigada) falando do mangá: Muitos já conhecem a autora desse mangá, afinal, quem a Mio Junta não conseguiu cativar pela arte? Apesar de eu ter uns que eu já conheço há mais tempo dela, como Smile Kudasai e Hanayome, achei esse melhor pra fazer pois são algumas oneshorts. (oneshoRts mesmo, porque são curtas e- ok, desculpa pela piada)... E antes que me perguntem, não, não conheci pelo anúncio da editora brasileira que vai lançar, como eu comentei anteriormente.  



Sinopse: Três meses após o estudante do terceiro ano do ensino médio Aobane começar a namorar seu colega de classe, Takahiro, ele está constantemente preocupado se Takahiro não vai se cansar dele. Porque comparado a Takahiro, que é sempre alegre e popular, Aobane é tímido e não fala muito. Em sua primeira visita ao templo no Ano Novo, ele reza para o deus local do templo para que ele fique com Takahiro para sempre. No dia seguinte, ele acorda com orelhas e rabo de gato...?!




Capítulo 01 e 02 - História Principal Kamisama Onegai (Please God)


Embora creio eu, essa história seja a principal (tanto pela sinopse e pela capa), não é a minha favorita do mangá inteiro. A história conta sobre um dia que o Aobane acorda com rabo e orelhas de gato, e ele consegue expressar-se melhor com elas, fazendo a relação deles dar um passo à frente. Esse mangá não tem dramas, são histórias fofas que dá pra aproveitar desse lado artístico que a Mio Junta tem, embora pelos semes que ela faz bem que poderia ter um lemon, né?? XD Eu acho que essa história é bem engraçada e apaixonante pelo Aobane, porque eu mesma não gosto tanto de personagens elétricos como o Takahiro.
Eles separados como personagem não tem nada a se destacar, mas são TÃO FOFOS OMFG que não dá pra sorrir lendo eles. Adoro mangás assim (e foi por isso que escolhi resenhar eles hoje, porque estava lendo uma lista de mangás Yaoi HARDCORE SANGUE EMO GÓTICO MORTE ETC que jesus do céu. Cansa um pouco hehe~)



Capítulo 03 - Oneshot Shiawase Deribari (Happy Delivery) 
Eu achei essa oneshot mais engraçada e fofa, embora não tenha muito romance. Um escritor sempre pede almoço no mesmo lugar, e embora o entregador seja atrapalhado que vive esquecendo alguma coisa do prato que ele pediu, ele esconde que embora a comida seja boa, o melhor de tudo é o entregador (SIM EHOAEHOA) E é aquilo, você acha que só o escritor teve um crush no entregador e espera todos os dias para vê-lo entregar a comida, quando na verdade... O Entregador que sempre levava coisas pra ele na verdade não esquecia nada, só fingia pra ficar voltando lá! Tem coisa mais fofa (e idiota)?? Eu passei o mangá inteiro rindo e sorrindo, cara. Minhas bochecas estão doendo e,e"

Capítulo 04, 05 e 06 - Sweet Tears
Agora sim, minha história favorita do mangá! O uke é bem irritante na realidade, dá vontade de socar ele. Mas, o seme é tão FOFO LINDO ME COME PORRA QUE ok, deixa eu me acalmar aqui... A história é sobre dois amigos de infância Subaru e Masaya. Subaru sempre foi ótimo em cozinhar, e por isso Masaya sempre estava na casa dele batendo um rango. Por quase 10 fodendo anos, Subaru viveu um amor platônico por seu amigo de infância, sempre na DESesperança sobre o amor, já que Masaya sempre teve inúmeras namoradas e mesmo com o término deles, Subaru quem ia consolá-lo. 
Mas todo amor tem seus limites. Com um desentendimento, os sentimentos escondidos de Subaru acabam se revelando e acabamos descobrindo que nem tudo são finais ruins como o Subaru pensava, e ele irá descobrir junto com Masaya que às vezes ser homem, gordo, magro, essas coisas externas não implicam sobre quem você ama. Uma história que eu gostei por ser simples, você meio que sabe o que vai acontecer mas mesmo assim acava ficando AWWNNNNN NOOO HAHAHAHA <essas reações enquanto lê. Pelo menos pra mim, né. Uma imagem desse casal (só ignorem o idioma em inglês kkkkkkk):



Capítulo 07 - Extra (preguiça de traduzir o título, desculpa)
Extra sobre todos os casais visitando o templo que atendeu o pedido do primeiro casal em Kamisama Onegai, mas na visão dos deuses do templo.


Bem, e pra quem ficou curioso, eu li online mesmo. Vi que tem uma parte em inglês, mas daí já não é comigo (fala a pessoa que fez resenha de mangá lido no gringo no post passado hahahaha)~

LER ONLINE -> Tem que procurar no site porque o link dava erro quando eu botava ele inteiro aqui. Mas né, eu e minhas tecnologias...

E eu só vou ressaltar uma coisa a mais, que não tem a ver com Kamisama nem com a Mio Junta: Tomem cuidado em quem vocês vão confiar o seu respeito no ramo de editoras do Brasil, porque como muitos de vocês sabem, a mesma editora que está falando mal de fansub hoje, ainda não fez a reimpressão dos volumes que ELA fez errado e VENDEU errado. Ela não faz o mercado, nós fazemos e eu exijo no mínimo o respeito para com os leitores, porque não somos burros de achar que haja alguma alma de fã viva neste Brasil que não leia mangá Yaoi online, e fansubs SÃO também consumidores, são "clientes" porque tudo o que envolve a parte das editoras em si aqui é um negócio; diferente do trabalho que os fansubs fazem porque eu nunca vi vocês pagando porra nenhuma pra fazer download de mangá e a maioria deles com uma qualidade de edição que deixam muitos no chinelo. Eu não sou fã de editora NENHUMA, nem gringa, nem nacional, sou fã do autor, respeito as editoras da publicação original pois são delas que partem os editores que ajudam na CONFECÇÃO E CRIAÇÃO do mangá original. Quer falar mal? Bem, mas depois não me venha com nhenhenhe da Maísa que "o Brasil não tem público para tal tipo de mangá", porque conheço muita gente que deixou de comprar a edição americana pra comprar aqui no Brasil quando lançou e no final das contas viu que a qualidade é MUITO inferior.

Enfim, só queria desabafar DE NOVO sobre esse assunto de descaso com o público consumidor de mangás no Brasil. A quem me acompanha aqui no blog anos, já falei deste assunto em outros posts, mas daí fica a critério de vocês falarem se estou certa OU não. Um fato é, estando certa ou errada, continuarei certa em uma coisa: editora nacional precisa melhorar sim, e não ficar falando mal de coisa que está aí MUNDIALMENTE e porque são novos, não sabem lidar com isso. Peguem o exemplo da reimpressão de títulos como Samurai X e Yu Yu Hakusho. Pode uma parte sim, ter feito só pra ganhar o que não ganhou na edição passada, mas coloquem as edições lado a lado para ver o quanto a JBC não evoluiu.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Hunter x Hunter (2011) - E o inesperado acontece!

Animes Yaoi -kawaii, sem shota, sem violência, Puro-

Dia do irmão